RESENHA – Os Magos

Autor: Lev Grossman
Editora: Amarilys

Sinopse da editora:

Como a maioria das pessoas, Quentin acreditava que a magia não era algo real. Acreditava. Tudo muda quando ele é surpreendentemente admitido em uma universidade – muito antiga, muito secreta, muito exclusiva – de estudos mágicos, ao norte de Nova York. Ali ele dá início a uma extensa e rigorosa iniciação ao universo acadêmico da feitiçaria moderna; ao mesmo tempo, descobre também os princípios boêmios da vida universitária: amizades, amores, sexo e álcool.

Engraçado, irônico e deliciosamente inventivo, Os Magos, além de um verdadeiro romance de formação, é um épico de magia e exploração de outros mundos que expande os limites da ficção fantástica feita até aqui. Ao imaginar a magia como algo presente no mundo real, praticada por pessoas reais – com seus caprichos, emoções e desejos volúveis –, Lev Grossman presta tributo ao fantástico presente nas histórias de C.S. Lewis, T.H. White, Neil Gaiman e J.K. Rowling, mas constrói também seu próprio universo original, no qual a fronteira entre o bem e o mal não é exatamente tão clara, amor e sexo não são nada simples ou inocentes e conhecimento e poder têm um preço alto demais.

Sinopse by LAP:

Quentin é um menino emo que vive no seu cantinho escuro e carrega a torturante sensação de que algo está muito errado na sua vida. Então, sem grandes revelações surpresas ou muito alarde, ele entra para uma Universidade de Magia e lá descobre que o mundo mágico que antes só existiam em livros da sua infância pode estar muito mais próximo da realidade do que sonharia estar. Porém, os problemas persistem, afinal, seus problemas nunca foram exatamente com os outros, mas com ele mesmo. Alice, Penny, Eliot e os Caras da Física entram em cena e formam o grupo que irá explorar não somente o Fillory como o mais extremo das suas relações com a vida e com eles mesmos. Perdas e ganhos? Tudo faz parte da evolução humana, mesmo no mundo da magia.

Resenha da LAP:

Os Magos é um balde de água fria para quem sonha entrar para Hogwarts xD Afinal, se a magia realmente existisse no nosso mundo, ela seria tão complicada quanto as leis da física, química e matemática. Ela exige muito esforço, muita dedicação e toda a sua energia e bom humor, até chegar um ponto em que a sua paciência pode simplesmente se esgotar.

A condução da história parece ser um tiro no escuro, já que precisamos passar por mais de 80% de desenvolvimento para saber o que é a grande aventura deles. Antes disso, as páginas são recheadas com anos de treinamento e de relacionamentos essenciais para todo o desfecho.

Então, assim como diz o alerta da capa, não leia Os Magos esperando encontrar uma aventura estilo Harry Potter. A magia está lá, mas ela pode ser amarga e te decepcionar, mesmo que você continue a buscando xD

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s